Vertentes
Seja bem vindo ao fórum Vertentes.

Pode usar o Facebook no seu "login".

Vou contar-te um segredo, Margarida Rebelo Pinto

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Elfo Vou contar-te um segredo, Margarida Rebelo Pinto

Mensagem por Daniela Santos em Sab 4 Abr 2009 - 4:59

Antes de ler o livro



1. Identificação do livro

1.1. Título – Vou contar-te um segredo

1.2. Autor (a) – Margarida Rebelo Pinto

1.3. Editora – Oficina do livro

1.4. Data de edição – Outubro de 2006

2. Escolha do livro

2.1. Motivos que levaram à escolha do livro



Optei por este livro, porque me parece relatar várias histórias de amor, o que me agrada bastante. Eu gosto de auscultar ou, neste caso, de desfrutar da leitura de distintas histórias de amor, porque são elas que nos fazem sonhar e acreditar no amor que nos une uns aos outros (não falando apenas do amor entre pessoas do sexo oposto, mas também do amor universal e incondicional pelos amigos, pais, animais, entre outros).



Após a leitura do livro



3. Contextualização do autor

3.1. Alguns dados biográficos



Margarida Rebelo Pinto nasceu no dia 7 de Junho de 1965, em Lisboa, demonstrando precocemente o seu gosto pela escrita.

Após passar algum tempo como copywriter no “mundo da publicidade”, licenciou-se em Línguas e Literaturas Modernas na Universidade Clássica. Aos 22 anos de idade iniciou as suas aptidões no mundo jornalístico, escrevendo para “O Independente”; “Sete”; “Marie Claire” e “Diário de Noticias”. Foi repórter do Canal televisivo RTP1, e em 1999 dedicou-se à crónica “O meu pequeno mundo” na revista “Olá”v do Jornal Semanário, tornando-se ainda, cronista frequente da “Elle”.

O primeiro romance escrito pela escritora designa-se por “Sei lá”, embora o tenha editado, apenas, em Março de 1999, aquando introduziu os elementos fundamentais de uma história. Nesse mesmo ano, recebeu o prémio literário Fnac 1999, devido à sua obra ter excedido os 130 mil exemplares vendidos.

Actualmente, a autora possui onze livros publicados:

- Sei lá, publicado em Março de 1999;

- Herman Superstar, a biografia do humorista português Herman José;

- Não há coincidências, publicado em Abril de 2000, vendendo 140 mil exemplares;

- As crónicas da Margarida, foi bastante vendido e nasceu de uma compilação de crónicas anteriormente escritas pela autora na revista “Olá”;

- Alma de pássaro, história que termina a trilogia dos romances anteriores, publicado em Fevereiro de 2002;

- Artista de circo, publicado em Outubro de 2002, correspondendo ao segundo livro de crónicas e mini-ficções;

- I’m in love with a Popstar, relata a biografia de uma adolescente;

- Nazarenas e Matrioskas, uma compilação de textos editados na imprensa;

- Pessoas como nós, romance que aborda os problemas dos seres humanos;

- Diário da tua ausência, refere-se uma carta de amor;

- Vou contar-te um segredo, refere-se a uma colecção de textos inéditos.

No seu primeiro romance, a autora continha uma escrita ingénua, contudo, no seu terceiro livro – Alma de pássaro -, podemos analisar a sua evolução, através de uma escrita associada à nova literatura urbana. Assim, Margarida Rebelo Pinto ingressou na agência literária “Carmen Balcells” que representa grandes nomes literários, como Gabriel Garcia Marquez, Jorge Amado, Isabel Allende, entre outros.

A escritora também trabalha como guionista, sendo que, criou o telefilme da Sic “Um passeio no parque”. Actualmente, dedica-se ao guião do seu próximo filme, a adaptação do seu romance Sei lá para cinema.

Margarida Rebelo Pinto tem algumas características específicas do seu dia-a-dia: é mãe; nada três quilómetros por semana e escreve em qualquer lugar, desde que se acompanhe de um caderno de capa preta.



3.2. Outras obras da autora



Margarida Rebelo Pinto editou as seguintes obras:

- Sei lá, editado em Março de 1999;

- Herman Superstar, editado em 2000;

- Não há coincidências, editado em Abril de 2000;

- As crónicas de Margarida, editado em Novembro de 2000;

- Alma de pássaro, editado em Fevereiro de 2002;

- Artistas de circo, editado em Outubro de 2002;

- I’m in love with a Popstar, editado em 2003;

- Nazarenas e Matrioskas, editado em 2004;

- Pessoas como nós, editado em 2005;

- Diário da tua ausência, editado em Abril de 2006;

- Vou contar-te um segredo, editado em Outubro de 2006;

- Português Suave, editado no dia 17 de Maio de 2008.



4. Conteúdo do livro

4.1. Género literário – Comédia romântica

4.2. Assunto (breve síntese)

Este livro é composto por 55 histórias de amor, tanto o amor universal, como entre pais e filhos como o amor entre duas pessoas. A história que mais me cativou o interesse é a segunda – A casa é tua - que corresponde ao relato de um homem apaixonado pela sua mulher e mãe da sua filha. As palavras que o homem utiliza são profundas e de extrema paixão. Dedica este poema à mulher da sua vida e, ao mesmo tempo pede-lhe que fique na casa a que esta talvez pertença, o seu coração. O homem não compreende como a conheceu nem como ela se pode interessar por ele, visto que se auto-retrata como “não sou alto nem bonito, que tenho um aparelho nos dentes e trabalho mais do que Deus manda, que nunca tenho tempo para nada, nem sequer para ir ao barbeiro cortar a cabeleira farta que me dá este ar de playboy perdido no tempo”.

Embora esteja a centrar-me muito nesta história porque foi a que mais me tocou, Vou contar-te um segredo corresponde a um livro maravilhoso constituído por inúmeras histórias de amor.



4.3. Citações favoritas (se necessário, explicadas no contexto)



A primeira citação que transmitiu alguma sensibilidade encontra-se na página 17 do livro, integrando a primeira história de amor – Á procura de Artur: “Mas sem amor, sem esse fogo que arde sem se ver, sem essa ferida que dói e não se sentem que sabor tem a vida, reduzida ao papel de jornal que se lê todas as manhãs para fingir que até nos interessamos pelo que passa no mundo?”

Esta citação refere-se a uma reflexão por parte de uma mulher foi deixada pelo seu único amor, Artur. Contudo, ficou um outro amor, a quem concedeu o nome de Artur novamente, um peixe. A rapariga questiona-se acerca do tema a que todos nós, seres humanos, nos questionamos um dia – O que é a vida sem amor? Podemos ter muito dinheiro, muitos amigos, muita comida, muita roupa, mas sem aquele sentimento que nos permite atravessar as portas daquilo que é palpável e visível, a vida acaba por ser uma pasmaceira.



As três seguintes citações que me atraíram localizam-se nas páginas 20, 21 e 22 respectivamente, e enquadram-se na história – A casa é tua: “ Isto é grave, mais grave do que partir de foguetão e ficar perdido no espaço, porque na solidão da estratosfera há alguém cá em baixo que nos comanda à distância, que nos fala através de altifalantes, nos diz que somos heróis, que está na hora de dormir e sabemos que não estamos sós”.



Esta citação transmite-me a sensação de que este homem preferia ficar só no Espaço do que sentir a ausência da mulher que ama. Ele considera que perdê-la é muito mais grave do que se manter sozinho na estratosfera, pois neste local ele poderia receber ordens de pessoas na Terra e sentir-se-ia acompanhado de alguma maneira, enquanto sem a sua amada nada faria sentido, ele sentir-se-ia totalmente perdido.



“Dizem que os homens não têm coração porque nunca viram o meu, que deve ser maior do que eu, pois nele cabem a minha mãe, a minha filha e tu, se lá quiseres entrar: não o brigo ninguém a nada, estás à vontade, a casa é tua, por dentro e por fora, cabeça, tronco e membros, carne e coração, tempo e alma.”



Apreciei esta citação essencialmente pelo estilo irónico com o que o autor a inicia e, curiosamente a termina. Se, por um lado, começa com um tom irónico, por outro, termina a citação com a transmissão de sentimos à pessoa que ama.



“A casa é tua, fica-te por aí até saberes o que queres, porque querer é poder e, se depender de mim, eu quero que fiques para sempre, enquanto o que sinto por ti for verdade.”



Esta citação apresenta-nos a ideia final de toda a história contada pelo autor. A casa que é pertence à mulher que ele ama é o seu coração. Em tom de apelo, o autor pede à pessoa que ama para que fique com ele, junto dele, no seu coração até ambos sentirem que os seus caminhos já não se interligam mais.



4.4. Opinião sobre o livro

Apreciei bastante este livro, pois o seu conteúdo superou as minhas expectativas. Embora aprecie várias histórias de amor, este livro aborda-as de maneira intensa e não muito complexa, o que se torna bastante afável.



Locais de pesquisa a que recorri:

- Pinto, Margarida Rebelo, Vou contar-te um segredo, oficina da escrita, 1.ªedição, Outubro, 2006.

- http://margarida.clix.pt/

- http://margarida.clix.pt/margarida_livros.php

Daniela Santos
Palavra
Palavra

Número de Mensagens : 16
Idade : 27
Localização : palmela
Data de inscrição : 20/09/2008
Pontos : 3374

Folha de personagem
Guardião secular:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Elfo Re: Vou contar-te um segredo, Margarida Rebelo Pinto

Mensagem por Damião Carlos Ribeiro em Dom 5 Abr 2009 - 7:28

muito bem continue assim

Damião Carlos Ribeiro
Rabisco
Rabisco

Número de Mensagens : 2
Idade : 26
Localização : Brasil
Data de inscrição : 10/03/2009
Pontos : 3200

Voltar ao Topo Ir em baixo

Elfo Vou-te contar um segredo

Mensagem por Daniela Santos em Ter 7 Abr 2009 - 10:51

obrigada Positivo

Daniela Santos
Palavra
Palavra

Número de Mensagens : 16
Idade : 27
Localização : palmela
Data de inscrição : 20/09/2008
Pontos : 3374

Folha de personagem
Guardião secular:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Elfo Re: Vou contar-te um segredo, Margarida Rebelo Pinto

Mensagem por Zizi em Qua 3 Jun 2009 - 15:33

14 valores. adoro cronicas e em especial Margarida Rebelo Pinto. Muito boa escolha do livro

Zizi
Frase simples
Frase simples

Número de Mensagens : 24
Idade : 25
Localização : Setúbal
Data de inscrição : 23/09/2008
Pontos : 3443

Folha de personagem
Guardião secular:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Elfo Re: Vou contar-te um segredo, Margarida Rebelo Pinto

Mensagem por Filipe Azevedo em Dom 7 Jun 2009 - 4:22

Pois também acho que está uma boa apresentação do livro, com vários comentários pessoais. A Zizi foi contratada para impedir que as notas fiquem muito altas...
rabbit

16 valores

_________________
www.vertentes.pt.vu
avatar
Filipe Azevedo
Professor

Número de Mensagens : 1229
Idade : 56
Localização : Portugal
Data de inscrição : 09/09/2006
Pontos : 15962

Folha de personagem
Guardião secular: Pérgamo

http://www.vertentes.pt.vu/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Elfo Re: Vou contar-te um segredo, Margarida Rebelo Pinto

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum