Vertentes
Seja bem vindo ao fórum Vertentes.

Pode usar o Facebook no seu "login".

Juntos ao luar - Nicholas Sparks

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Juntos ao luar - Nicholas Sparks

Mensagem por Marta Fernandes em Qui 5 Nov 2009 - 14:19




Antes de ler o livro

1.Identificação do Livro

1.1.Titulo: Juntos ao luar

1.2. Autora: Nicholas Sparks

1.3.Editora: Editorial Presença

1.4.Data da Edição: Dezembro, 2006




2.Escolha do livro
2.1.Motivos que levaram à escolha do livro:
"Juntos ao Luar" foi um livro que me despertou curiosidade não só pelo título mas também pelo facto de só por ler o resumo nos dar vontade de ler o livro todo e onde ficamos a perceber o significado do verdadeiro amor.

Após a leitura do livro


3.Conteúdo do Livro
3.1.Género Literário: Romance

3.2.Assunto: Esta história é contada por John Tyree, um rapaz de 23 anos que vive em Wilmington na Carolina do Norte com o seu pai, um homem tímido e de poucas falas que criou John sozinho pois a sua mulher abandonou-os aos dois. John conta como foi em criança, na sua juventude e conta também como se apercebera de todos os erros cometidos e todas as desilusões que dera ao seu pai. Aos 20 anos apercebera-se realmente disso e decidiu que uma vez na vida ía fazer aquilo com que o seu pai sonhara. Ir para o exército. John alistou-se nas forças armadas e mais tarde foi colocado numa base na Alemanha. Ao fim de 3 anos, quando tirou a sua 3ª licença John foi passar 2 semanas a Wilmington, e é aqui que começa a história.
John tinha uma paixão pelo surf e foi numa dessas tardes nas ondas que conheceu Savannah, uma rapariga morena e muito bonita com uma paixão enorme por cavalos, que foi ajudada por John quando a sua mala caíu à água. Savannah estava em Wilmington com um grupo de jovens que nas férias ajudavam a construir casas para famílias necessitadas. John a Savannah ficaram muito amigos amigos e saberem como foram-se apaixonando um pelo outro naqueles dias de conversa na praia e naquelas noites ao luar. Passara dos melhores momentos das suas vidas mas há medida que os dias passavam e à medida que o amor de ambos aumentava a tristeza tambem aumentava pois dentro de dias John voltaria para a Alemanha. John foi embora e ficou a promessa de que voltaria para junto dela na sua próxima licença. Tim, um grande amigo de Savannah ficou encarregue de tratar dela enquanto Jonh não estava presente.
Durante o tempo que esteve na Alemanha muitas eram as cartas trocadas entre John e Savannah, alguns telefonemas e sempre na primeira noite de lua cheia tanto John como Savannah independentemente do sítio onde se encontravam ía à rua e contemplavam a lua recordando todos os bons momentos vividos naquelas 2 semanas. Passado um ano John voltou a ter uma licença e foi na primeira semana a Lenoir, onde Savannah vivia, visita-la e conhecer os seus pais e na semana seguinte foi visitar o seu pai que estava mais velho e continuava apenas a ter interesse na sua vasta colecção de moedas. Moedas era o uníco assunto em que o seu pai de interessava e sabia falar.
Chegou a altura de John voltar a Alemanha. Só faltavam mais 6 meses para voltar para casa e passar o resto da vida com Savannah, foi então que veio o 11 de Setembro. Apesar de John querer voltar para casa voltou a alistar-se no exército por mais uns tempos pois não queria abandonar os seus amigos do exército. Antes de ser mandado para o Iraque, John reparara que alguma coisa estava diferente entre si e Savannah, vía isso nas cartas que lhe enviava cada vez com menos frequencia. E foi então que Savannah lhe escreveu dizendo que se tinha apaixonado por outro homem sem saber como. John ficou destroçado e decidiu dedicar-se a 100% à guerra de modo a tentar acalmar a dor que sentia. Durante o tempo que esteve no Iraque, John viu coisas horriveis e quando voltou viu-se obrigado a consultar um psicólogo. Esteve mais uns tempos na Alemanha, alistara-se novamente pois não tinha motivos para sair de lá já que a relação com o seu pai não era das melhores e que a primeira mulher que alguma vez amara o tinha trocado por outro homem. Passado uns tempos John teve um licença de urgência, recebera a notícia que o seu pai sofrera um ataque cardíaco e apanhou logo o avião para casa. John aproveitou esse tempo para cuidar do seu pai e fortalecer a relação entre os dois. Passado uns tempos voltou a ter um segundo ataque cardíaco e quando John voltou a casa para perto do seu pai, o seu estado não era dos melhores. Encontrava-se magro, sem defesas e com a casa num caos. John sabia que 2 semanas depois tinha de voltar a Alemanha e nao podia deixar o seu pai sozinho, então, por muito que lhe custasse tinha de o por num lar de idosos. Sabia que ía ser a sentença de morte do seu pai, pois ele não se imaginara jamais a viver noutro sítio senão a sua casa. Foi isso que aconteçeu. Umas semanas depois de John ter voltado ao exército o seu pai faleceu. Antes de ter morrido tratou de todos os papeis do seu funeral e deixou a sua fortuna e todas as suas moedas coleccionadas em nome do filho. Durante esta sua licença para estar presente no funeral do seu pai, John decidiu procurar Savannah.
Chegou a Lenoir e encontrou-a. Vivia numa casa grande com cavalos onde ajudava crianças com autismo. Ficou a saber que Savannah tinha-se casado com Tim, o seu grande amigo de infância e com eles vivia também Alan, irmao de Tim e que também sofria de autismo. Naquela altura Tim encontrava-se no hospital. Descobrira que tinha um melanoma e células cancersas num dos pulmões. Tim já não acreditava que ía sobreviver e num dos dias em que John o foi visitar antes de partir para a Alemanha, pediu-lhe qu nunca deixasse Savannah sozinha pois sabia que ambos ainda se amavam. Savannah tinha contado a John que havia uma maneira de Tim sobreviver, mas para esse tratamento era necessário muito dinheiro e ela não possuía esse valor. Foi então que John tomou uma decisão. Vendeu todas as moedas coleccionadas pelo seu pai e depositou numa conta para ajudar Tim a vencer a sua doença. John voltou para a Alemanha e nunca nínguem soube que tivera sido ele a ajudar Tim.
Um ano depois, quando voltou a ter a sua licença, John voltou a casa de Savannah mas ela não soube. Na noite de lua cheia John ficou escondido no jardim e observou Savannah, Tim e Alan felizes, ficou também a espera que Savannah fosse à rua contemplar a lua cheia como sempre decidiram fazer e para seu grande espanto ela saíu à rua e ficou no escuro a contemplar o luar. Para Jonh aquele momento fez com que se sentisse novamente junto a ela.





3.3.Citações favoritas
"O que significa amar verdadeiramente alguém?"

"A chave da felicidade é ter sonhos concretizáveis."

"Eu apaixonei-me por ti, mas, mais que isso, encontrar-te deu-me a conhecer o significado de verdadeiro amor."

"Se voltares, caso-me contigo. Se quebrares essa promessa, quebras-me também o coração."



3.4.Opinião sobre o livro:
Tal como todos os outros livros de Nicholas Sparks este livro é muito bonito. Com este livro percebemos que nem todos os finais são felizes e que um amor que aparentemente parece ser indestrutivel por vezes não resiste às "coisas da vida".
avatar
Marta Fernandes
Letra
Letra

Número de Mensagens : 6
Idade : 25
Localização : Setúbal
Data de inscrição : 05/11/2009
Pontos : 3000

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Juntos ao luar - Nicholas Sparks

Mensagem por Filipe Azevedo em Qua 11 Nov 2009 - 13:26

16 valores

_________________
www.vertentes.pt.vu
avatar
Filipe Azevedo
Professor

Número de Mensagens : 1229
Idade : 56
Localização : Portugal
Data de inscrição : 09/09/2006
Pontos : 15943

Folha de personagem
Guardião secular: Pérgamo

http://www.vertentes.pt.vu/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum