Vertentes
Seja bem vindo ao fórum Vertentes.

Pode usar o Facebook no seu "login".

Diva - José de Alencar

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Diva - José de Alencar

Mensagem por Ana Karoline em Sab 19 Jun 2010 - 13:24

Antes de ler o livro



1. Identificação do Livro

1.1. Título
Diva

1.2. Autor (a)
José de Alencar

1.3. Editora

Ática

1.4. Data da Edição
1995


2. Escolha do livro

2.1. Motivos que levaram à escolha do livro
O título da obra nos chamou a atenção. O fato de ser uma obra de José de Alencar, e um dos seus clássicos contribuiu para a escolha.

Após a leitura do livro


3. Contextualização do Autor






3.1. Alguns dados biográficos


José Martiniano de Alencar nasceu em Messe Jana, na época um município vizinho a Fortaleza e faleceu no Rio de Janeiro, 12 de dezembro de 1877. Foi um jornalista, político, advogado, orador, crítico, polemista, romancista e dramaturgo brasileiro.
Formou-se em direito, em 1850, e, em 1854, estreou como folhetinista no Correio Mercantil. Em 1856 publica o primeiro romance, Cinco Minutos, seguido de A Viuvinha em 1857. Mas é com O Guarini em 1857 que alcançará notoriedade.
Na obra de Alencar há quatro tipos de romances: Romances Regionalistas, Romances Históricos, Romances Indianistas e Romances Urbanos. A crítica atual não tem nenhuma dúvida a respeito da importância fundamental dos romances de Alencar - principalmente os indianistas - para compreendermos o nacionalismo em nossa literatura.
É considerado o maior romancista do Romantismo brasileiro.

3.2. Outras Obras do(a) Autor(a)

§ Cinco minutos, 1856
§ A viuvinha, 1857
§ O guarani, 1857
§ Lucíola, 1862

4. Conteúdo do Livro

4.1. Género Literário


Romance


4.2. Assunto (breve síntese)


Essa obra é contada por Amaral, o protagonista da mesma. A obra é na verdade uma carta que foi escrita a um grande amigo de Amaral, onde ele conta sobre sua vida, seu amor. A história começa com Amaral falando sobre Emilia, o grande amor de sua vida.
A primeira vez que ele a viu, Emilia tinha apenas 13 anos e era uma menina muito feia. Certa vez ela ficou doente, Amaral como era um medico recém formado e também amigo da família foi chamado para cuidar da menina. Emilia não gostava de Amaral, muito menos que ele tocasse nela, nem ao menos para examinar, pois assim tinha sido criada. Após muito esforço, muita dedicação, Amaral enfim conseguiu curar a terrível doença, Emilia estava a salvo. A família queria dar uma grande recompensa para Amaral, mas ele não aceitou, dizendo que só fez o seu trabalho, portanto receberia apenas o que é de direito dele. Após muita insistência de Duarte, pai de Emilia, Amaral disse que quando ele precisasse de algum dinheiro, a primeira pessoa por quem ele procuraria seria Duarte. Após isso, Amaral sai em uma viagem para a Europa, para poder estudar mais.
Logo que Amaral volta da Europa, a primeira pessoa que vai visitá-lo é Duarte, porém Emilia não vai. Amaral é convidado para ir a casa de Duarte, chegando lá ele avista uma linda moça, só após um bom tempo que ele percebe que essa moça é Emilia, que ela finalmente se tornou uma bela mulher.
D. Matilde, tia de Emilia, convida Amaral para ir a um baile em sua casa. No baile Amaral encontra Emilia e a chama para dançar, porem friamente Emilia recusa seu pedido. E assim continua por um bom tempo, sempre há bailes na casa de D. Matilde e Amaral sempre comparece nesses bailes, tenta se aproximar de Emilia, porém nunca tem sucesso, Emilia sempre faz pouco caso dele e acaba o magoando.
Certa vez Geraldo, irmão de Emilia, pede um favor a Amaral. Emilia sempre ajudava algumas senhoras que ela conhecia, e uma dessas senhoras disse que havia uma menina que tinha perdido seus pais e agora não tinha família nenhuma, com dó da menina Emilia pediu para Geraldo fazer alguma coisa por ela. Geraldo teve a idéia de dar um dote para a menina quando ela se casasse, porém ele não tinha tempo para ficar se preocupando com isso, portanto pediu ajuda a seu amigo Amaral, o qual aceitou fazer o favor.
No dia seguinte Amaral vai até a casa de Duarte pedir o dinheiro que ele havia recusado há muito tempo atrás. A família toda fica contente por Amaral aceitar o dinheiro, mas segundo a família, o dinheiro que Amaral pediu era muito pouco, Emilia que também estava nessa negociação, pegou o papel com a conta de Amaral e disse que a divida era dela, portanto ela que pagaria.
Após esse acontecimento, Emilia começou a se aproximar de Amaral, falou de seus segredos, disse que era uma moça muito confusa, não conhecia, não sabia o que era o amor, mas que seu maior sonho era encontrar o amor de sua vida. Emilia também pediu que Amaral se tornasse amigo dela.
Amaral ficou chocado com essas revelações, mas gostou de saber disso. Emilia e ele se tornaram grandes amigos, ela contava de tudo para ele. Porém sua amizade era um pouco estranha e misteriosa para Amaral, pois no mesmo momento em que Emilia queria sua presença ao seu lado, ela também falava friamente com ele, como se não o quisesse por perto.
Certa vez, em um encontro Amaral perguntou se Emilia o amava, ela disse que não, mas que tinha esperanças de amá-lo um dia, isso animou muito Amaral. Mas com toda a confusão de sua amizade, eles acabaram se afastando por causa de umas brigas, Amaral disse que já não amava mais Emilia, que ele só tinha interesse pelo seu dinheiro, Emilia não acreditou em uma única palavra que ele disse, pois ela sabia que ele não era assim, então Amaral confessou novamente que a amava, porém o amor de agora já não era mais como de antigamente, agora ele não a admirava, apenas queria tê-la por orgulho. Emilia ficou furiosa com Amaral e acabou dando um tapa em seu rosto, Amaral por instinto a segurou pelos braços e fez com que ela se ajoelhasse diante dele, quando ele percebeu o que estava fazendo ficou aterrorizado, Emilia então levantou sua cabeça e disse algo inesperado, ela confessou todo seu amor por Amaral, ele ficou confuso, não sabia o que fazer, então saiu correndo, fugiu.
No dia seguinte Amaral recebeu uma carta de Emilia, onde ela declarava todo seu amor por ele, dizia que o amava muito e que queria ser a mulher dele, ela o esperaria para sempre, pois só queria ficar ao lado dele, no fim da carta Emilia diz que está esperando por ele. Amaral tenta resistir, tenta não ir atrás de Emilia, mas não consegue. Andando por uma rua ele se encontra com Emilia e antes mesmo dele se aproximar, Emilia chega perto dele e diz que o ama, e repete essa frase muitas vezes. Amaral pergunta a ela no que levará esse amor todo, ela responde dizendo que não sabe, que só sabe que quer ficar ao lado dele, nada mais importa.
Por fim, Amaral termina a sua carta dizendo que ainda amava Emilia, que ela era a sua mulher.
E assim termina essa obra, onde podemos concluir que Amaral e Emilia ficaram juntos.

4.3. Citações favoritas (se necessário, explicadas no contexto)

“Realmente, a soberania da formosura e elegância, ela a tinha conquistado. Parecia que essa menina se guardara até aquele instante, para de improviso e no mais fidalgo salão da corte fazer sua brilhante metamorfose. Nessa noite ela quis ostentar-se deusa; e vestiu os fulgores da beleza, que desde então arrastaram após si a admiração geral.”

-Augusto descrevendo a beleza de Emília.

“Pois bem-exclamei eu com a voz surda e trêmula. - A senhora quer! É verdade! Eu a amo! Mas aquela adoração de outrora, aquele culto sagrado cheio de respeito e admiração... Tudo isso morreu! O que resta agora neste coração que a senhora esmagou por um bárbaro divertimento, o que resta, é o amor brutal, faminto, repassado de ódio... é o desespero de se ver escarnecido, e a raiva de querê-la e obrigá-la a pertencer-me para sempre e contra sua própria vontade!...”

-Augusto chega ao seu limite, e fica desesperado. Este trecho mostra o extremo do sentimento de Augusto por Emília.


4.4. Opinião sobre o livro

O livro descreve o quão extremo se pode chegar os sentimentos. Da paixão e grande admiração ao ódio. O autor descreve sempre durante sua narrativa, a beleza de Emília em vários parágrafos, comparando-a até mesmo com Divindades ou Deusas, isso dificultou um pouco a leitura e fez com que ela ficasse cansativa. Apesar dessas pequenas dificuldades, gostamos do livro, é uma história agradável e interessante.



Ana Karoline e Tamirys Ayumi
avatar
Ana Karoline
Palavra
Palavra

Número de Mensagens : 19
Idade : 24
Localização : SP - Brasil
Data de inscrição : 16/06/2010
Pontos : 2788

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por Vicky em Ter 22 Jun 2010 - 9:51

Excelente apresentação.
Com toda a certeza a melhor desse bimestre.
Conseguiram fazer uma sintese sem que se perdesse a essencia da obra. E em relação a opinião sobre a obra que é um dos fatores mais importante, sei que DIVA é muito complicado de se fazer analogias entre passado e presente devido aos poucos problemas sociais abordados na obra, mas vocês poderiam exaltar que hoje em dia a grande quantidade de crimes que acontecem são passionais, que só ocorrem quando há essa oscilação entre paixão e ódio, assim valorizaria extremamente o trabalho de vocês.

Entrem nesse site e vejam mais sobre crime passional: http://pt.wikipedia.org/wiki/Crime_passional

Portanto a nora de vocês é 18 (9.0
avatar
Vicky
Argumento
Argumento

Número de Mensagens : 57
Idade : 25
Localização : brasil
Data de inscrição : 03/03/2009
Pontos : 3283

Folha de personagem
Guardião secular:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por alexandre(hiro) em Qua 23 Jun 2010 - 15:35

Uma ótima apresentação, sem dúvidas, uma das melhores que já avaliei no Vertentes. Ficou a desejar um pouco, nos dados do autor, mas sem prejudicar em nada na apresentação de forma geral.
A nota do grupo é 17 (8.5)
avatar
alexandre(hiro)
"Best Seller"


Número de Mensagens : 496
Idade : 26
Localização : Brasil
Data de inscrição : 22/02/2008
Pontos : 5498

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por Tamirys A. em Qua 23 Jun 2010 - 15:44

Obrigada pela avaliação!Fico feliz por nosso trabalho ser considerado como o "melhor do bimestre" Very Happy Continuaremos nos esforçando para sempre postar trabalhos excelentes.
avatar
Tamirys A.
Argumento
Argumento

Número de Mensagens : 59
Idade : 25
Localização : Brasil
Data de inscrição : 13/04/2010
Pontos : 2893

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por alexandre(hiro) em Qua 23 Jun 2010 - 15:57

Eu que agradeço a prazeirosa apresentação que vocês fizeram aqui no Vertentes.
Espero ver, além de um, vários outros trabalhos do seu grupo.
Meus parabéns, e escute os conselhos dados para asim tirar 20 (10.0) nas proximas apresentações!!!
avatar
alexandre(hiro)
"Best Seller"


Número de Mensagens : 496
Idade : 26
Localização : Brasil
Data de inscrição : 22/02/2008
Pontos : 5498

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por Ana Karoline em Qua 23 Jun 2010 - 19:14

Como a Tamirys disse, obrigada pela avaliação, e com certeza continuaremos nos esforçando para sempre fazer um bom trabalho! E obrigada tbm pelas dicas, sem duvida alguma iremos considerá-las para o nosso proximo trabalho, para que os mesmos erros não sejam cometidos! ;]
avatar
Ana Karoline
Palavra
Palavra

Número de Mensagens : 19
Idade : 24
Localização : SP - Brasil
Data de inscrição : 16/06/2010
Pontos : 2788

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por Vicky em Qui 24 Jun 2010 - 8:48

Pode acrediar...ficamos muito felizes pelo trabalho de vcs e pela consideração de nossas dicas. Continuem sempres assim.

Obrigada
avatar
Vicky
Argumento
Argumento

Número de Mensagens : 57
Idade : 25
Localização : brasil
Data de inscrição : 03/03/2009
Pontos : 3283

Folha de personagem
Guardião secular:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por Alexsandra em Qui 24 Jun 2010 - 9:07

Ana e Tamirys vocês fizeram o MELHOR trabalho de todos os tempos, ou melhor, de todo o vertente.
Parabéns.Espero que continuem assim, e me deem algumas dicas. Vou agradecer e novamente parabéns.
avatar
Alexsandra
Frase simples
Frase simples

Número de Mensagens : 29
Idade : 23
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 17/04/2010
Pontos : 2879

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por Jaque em Qui 24 Jun 2010 - 18:59

Ana e Tamirys não podia ser diferente, sempre fazem uma excelente apresentação.Parabéns e continuem assim que vocês vão longe.
avatar
Jaque
Frase complexa
Frase complexa

Número de Mensagens : 39
Idade : 25
Localização : Mogi das Cruzes
Data de inscrição : 15/03/2010
Pontos : 2863

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por Tamirys A. em Sex 25 Jun 2010 - 6:13

Obrigado Galeraaa Very Happy
avatar
Tamirys A.
Argumento
Argumento

Número de Mensagens : 59
Idade : 25
Localização : Brasil
Data de inscrição : 13/04/2010
Pontos : 2893

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por jackson em Qui 5 Ago 2010 - 9:00

parabens ana ,eu ja apresentei diversas obras desse autor e conheço bem as obras dele voce fez um trabalho maravilhoso.......Ate a proxima..
avatar
jackson
Rabisco
Rabisco

Número de Mensagens : 3
Idade : 24
Localização : sao paulo
Data de inscrição : 07/04/2010
Pontos : 2741

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por Ana Karoline em Sab 7 Ago 2010 - 10:32

Obrigada Jackson ! ;]
avatar
Ana Karoline
Palavra
Palavra

Número de Mensagens : 19
Idade : 24
Localização : SP - Brasil
Data de inscrição : 16/06/2010
Pontos : 2788

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Diva - José de Alencar

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum