Vertentes
Seja bem vindo ao fórum Vertentes.

Pode usar o Facebook no seu "login".

Souad Massi - Queimada Viva

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Souad Massi - Queimada Viva

Mensagem por Cristiana Fonseca em Qua 8 Jun 2011 - 8:47

1.Identificação do Livro

1.1.Título: “Queimada Viva”

1.2.Autor: Souad Massi

1.3.Editora: Edições ASA

1.4.Data da Edição: 2004

2.Escolha do livro

2.4.Motivos que levaram à escolha
do livro:
A oportunidade de ler este livro surgiu quando a minha própria mãe me sugeriu que o lesse, pois achou que me iria interessar pelo tema e assim que olhei para o livro senti logo vontade de o ler. Para além disso, os livros que me despertam mais curiosidade são os testemunhos reais, pois as suas divulgações são muito importantes.

3.Contextualização do Autor

3.1.Alguns dados biográficos: Souad Massi nasceu em 23 de Agosto de 1972, em Argel, na Argélia.
É uma cantora e compositora argelina, que começou a sua carreira ao participar numa banda de rock político Atakor.
Devido a uma série de ameaças de morte, foi obrigada a deixar o país.
Em 1999, Saoud Massi participou no concerto “Femmes d’Algerie” (Mulheres da Argélia), em Paris, o que a levou a assinar contrato com uma empresa, “Island Records”. Gravou o seu primeiro álbum, lançado em 2001. Em 2003 lançou o seu segundo álbum. Deu vários concertos e, mais tarde, em 2005, gravou o seu terceiro álbum.


3.2.Outras Obras do Autor:

Não existem, pois este livro é um testemunho real de uma vítima de um “crime de honra” e tem como objectivo apelar à sociedade para que não fique indiferente a esta realidade da qual poucos têm conhecimento.

4.Conteúdo do Livro

4.1.Género Literário: Documentário

4.2. Assunto: Este livro fala da história de uma mulher oriunda de uma das aldeias da Cisjordânia, um país diferente do nosso em que os direitos humanos são cruéis em relação às mulheres.
Souad Massi conta-nos a história da sua vida, desde a sua infância até à idade adulta. Foi sempre maltratada e obrigada a trabalhar desde muito pequena.
Ela tinha 17 anos e na sua aldeia da Cisjordânia, como em tantas outras, o amor antes do casamento é sinónimo de morte. Ainda aos 17 anos, engravida, antes de casar, e é condenada à morte pela família, que decide regá-la com petróleo e queimá-la viva. No entanto, Souad sobrevive e é levada por três mulheres para uma cidade distante da sua aldeia para receber cuidados médicos, ela e o seu filho ainda em gestação. No hospital, para onde a levam e onde se recusam a trata-la, a própria mãe tenta assassina-la, envenenando-a. Entretanto o seu filho nasce e é-lhe retirado, e Souad depois de curada das graves queimaduras vai para outro país com a ajuda de uma senhora (voluntária europeia que pertence a uma fundação suíça “A Surgir”) que se interessa pelo seu caso e a ajuda.
Souad recomeça a sua vida noutra cidade, arranja trabalho e apaixona-se. Hoje em dia é casada, tem duas filhas e conhece o seu filho Marouan que lhe foi retirado à nascença. Embora viva feliz com o marido e os filhos, esta corajosa e valente mulher ainda vive com medo de ser descoberta pela sua família e condenada à morte novamente.
Apesar de tudo, vive feliz com os seus três filhos e com o seu marido, que a ama e respeita.



4.3. Citações favoritas: « “A minha memória desfez-se em fumo no dia em que o fogo se abateu sobre mim.”» - neste contexto, Souad diz de uma forma mais suave o que acontece às raparigas que se apaixonam com cultura ou religião semelhantes. Isto faz com que não nos sintamos indiferentes só de pensar que foi queimada viva só por ter-se apaixonado e ter ficado grávida antes do casamento.

« “Aliás, as vacas, as ovelhas, as cabras eram muito mais bem tratadas do que nós. Nunca batiam às vacas ou às ovelhas.” » - com esta frase Souad quis dizer que para o seu pai as vacas ou as ovelhas eram mais importantes que as mulheres. Esta frase foi, de tantas outras, a que demonstra o quão as mulheres são maltratadas em países como o da autora. Transmite-nos um sentimento de raiva, porque pensamos como é possível ainda, em pleno século XXI, haver mulheres tratadas como simples “lixo”.


4.4.Opinião sobre o livro: Este livro é um testemunho real extremamente surpreendente, cativante e comovente.
Esta é sem dúvida uma história perturbante, marcando-me alguns momentos como: o facto de se nascer mulher ser uma maldição para a família naqueles países; quando Souad está internada e as enfermeiras e médicos a tratam sem respeito nem dignidade por saberem que está ali naquela situação devido a um “crime de honra”.
Pessoalmente, este livro foi um relato muito interessante e emocionante de se ler, pois dá-nos uma perspectiva completamente diferente do “mundo” em que vivemos e permite-nos conhecer melhor um pouco da vida das outras mulheres, aquelas que, infelizmente, não têm direitos iguais aos do homem e que vivem onde a Lei do Homem é a que prevalece. Este livro desperta variadas emoções e sentimentos contrários, tais como: sentimentos de revolta, impotência, solidariedade, tristeza, angústia, compaixão e alegria. Eu como rapariga que sou, tentei ver-me na mesma situação, mas foi impossível. Arrepiou-me! Demonstra a crueldade de que o ser humano é capaz.
Por fim, esta história verídica transporta-nos a um quotidiano completamente diferente ao do que estamos habituados e ensina-nos que o instinto de sobrevivência, a coragem e o amor são elementos fundamentais na vida das pessoas. É impossível ficar indiferente à coragem desta mulher.


5.Bibliografia

5.1.Fontes: Livro – Massi S. – Queimada Viva – 2005 - ASA, Edições (Livro escolhido) ;
Google – Imagens;
http://www.lastfm.pt/music/Souad+Massi/+wiki (biografia)

Cristiana Fonseca
Letra
Letra

Número de Mensagens : 6
Idade : 24
Localização : Setúbal
Data de inscrição : 01/11/2010
Pontos : 2279

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Souad Massi - Queimada Viva

Mensagem por Cristiana Fonseca em Qua 8 Jun 2011 - 8:48

Professor.. Como sempre não consigo pôr imagens, mas envio-lhe para o e-mail em word.

Cristiana Fonseca
Letra
Letra

Número de Mensagens : 6
Idade : 24
Localização : Setúbal
Data de inscrição : 01/11/2010
Pontos : 2279

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Souad Massi - Queimada Viva

Mensagem por Filipe Azevedo em Dom 12 Jun 2011 - 11:46

16 valores

_________________
www.vertentes.pt.vu

Filipe Azevedo
Professor

Número de Mensagens : 1229
Idade : 55
Localização : Portugal
Data de inscrição : 09/09/2006
Pontos : 15593

Folha de personagem
Guardião secular: Pérgamo

http://www.vertentes.pt.vu/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Souad Massi - Queimada Viva

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 0:49


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum