Vertentes
Seja bem vindo ao fórum Vertentes.

Pode usar o Facebook no seu "login".

Viagens de Gulliver

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Viagens de Gulliver

Mensagem por Vanessynha em Seg 27 Jun 2011 - 15:45

1. Identificação do livro
1.1 Título
Viagens de Gulliver
1.2 Autor
Jonathan Swift
1.3 Editora
Suzana Laub
Tradução: (Adptaçao James Riordan)
1.3 Data da edição
Prieira ediçao 28 de outubro de 1726
Adptação: 2006


2. Escolha do livro

2.1 Motivos que levaram à escolha do livro

A historia de um homem cheio de imaginaçao, procura viver tudo que na sua infância foi roubado, destaca seu conhecimento em suas viagens.

Após a leitura do livro

3. Contextualização do autor

3.1 Alguns dados biográficos
Jonathan Swift, nasceu na Irlanda em 1667 teve um infânia muito dolorosa, Viagens de Gulliver foi uma de sua maior obra puplicada, ele morreu em 1745 ficou surdo e mentalmente pertubado.


3.2 Outras obras do autor


  • História de um tonel (1704) Sátira em prosa.
  • A batalha dos livros (1704) Sátira em prosa.
  • Argumento contra a abolição do cristianismo (1708) Panfleto.
  • Diário para Stella (1710-1713) Cartas.
  • The Conduct of the Allies (1711) politico.
  • As viagens de Gulliver (1726) Romance.
  • Modesta proposição (1729) Sátira política.
  • A Conversação Polida (1738) Resultado de 20 anos de pesquisa.
  • Versos sobre a morte do doutor Swift (1739) Poema.

4. Conteúdo
Viagens de Gulliver


Gulliver tinha três irmãos ele era o terceiro começou trabalhar bem novinho para ajudar em casa estudar.Ele se formo um Dentista e fez um grande amigo Dr. James Bates, ele tinha muitos contatos por isso tinha muitos cliente dava para se manter. Casou com Mary Burton, nesse tempo que o negocio ia bem Dr.James faleceu, eu fiquei sem clientes não era um cirurgião bem sucedido, resolvi trabalhar com um capitão William Prichard em um navio de cirurgião. Tudo ocorria bem ate que uma forte tempestade balançava o barco para todo lados não sabíamos mais o que fazer quando o barco virou e eu e cinco amigos conseguimos ficar em um bote tentamos sobreviver mas só ficou eu , Gulliver já estava exausto muito cansado não agüentava mais, conseguiu parar na areia e foi rastejando ate um certo ponto e ali adormeceu. Quando acordo sentiu uns bichinhos andando sobre seu corpo, tentou se movimentar e percebeu que todo o seu corpo estava preso ate seus fios de cabelo.





Ele não entendia o que estava acontecendo viu um a figurinha humana de pouco mais de uma polegada começaram a gritar em suas línguas, eu não entendia nada o que estavam dizendo. Tentei me soltar mais ele começaram atacar flechas no meu braço parecia um monte agulha me furando, eles fizeram uma escada bem alta para poder falar comigo, não conseguia falar a linguagem deles fiz gestos de que estava com fome, eles compreenderam e me trouxeram um carneiro que era muito pequeno pão, e uma taça de vinho muito boa que estava com sonífero, dormiu durante muito tempo. Essa ilha pertencia aos Lilliput eram as figurinhas de uma polegada eram considerados um dos maiores marceneiros, e tinha muitas qualidades. Durante esse tempo que estava dormindo ele fizeram um carrinho de dois metros de comprimento e um de largura com vinte e duas rodas, para poder levar Gulliver para o palácio pois o rei queria ver quem era esse gigante o Homem Montanha era como as criaturas minúsculas chamava ele.





Gulliver acordo ele estava em um salão não avia espaço para ele não conseguia ficar de pé minhas pernas estava presa com mais ou menos trinta e seis cadeados, não conseguir fazer minha necessidades naquele local. Eu era vigiado por muitas criaturas, eles me viam como uma ameaça. O rei foi me visitar e mandara me revistar tiram do meu bolso um lenço para eles era um tapete enorme que dava para cobrir o palácio todo, e muitas outras coisa... Discutiram com todos os Liliput o meu destino, resolveu que eu poderia ficar pela cidade e tinha que fazer a minha vontade eu era alimentado por seis vacas, quarenta carneiro, pão e vinho. Aprendi a falar como os homenzinhos, os liliputs tinha uns inimigos eram da ilha de Blefuscu essa briga começou porque eles não queriam obedecer algumas regras estimuladas, essa guerra durou trinta e seis luas, eu mandei fazer trinta gancho para poder enfrentar os Blefuscu foi andando no mar que não era muito fundo para Gulliver, cheguei La eles ficaram com medo porque eu era muito grande começaram a me acerta com flechas pegou os barcos e veio trazendo ate o rei de lilliput, o rei queria manter eles preso mas Gulliver não acho isso certo o rei ficou muito bravo com ele disse que iria tomar algumas medidas, depois de alguns dias chegou um tratado de Paz dos blefuscus, mas o rei estava muito zangado com Gulliver pois ele já tinha quebrado muitas regras Gulliver urino no palácio porque estava pagando fogo essa foi a forma de apagar, mas o rei não tolerava esses desrespeito com ele. Resolveu que tinha que matar Gulliver a primeira ordem foi tocar fogo nele vivo, a segunda atirar flechas envenenadas , terceira colocar suco venenoso em suas roupar para que ele rasgasse em pedaços sua própria carne, mas o rei muito esperto sabia que se ele me matasse meu corpo iria feder tanto que eles não iria suportar. Queria dar uma punição para Gulliver mas antes dessa punição ele fugiu para illha de blesfuscu, nessa ilha o rei e a rainha me receberam muito bem encontrei um barco um pouco quebrado eles me ajudaram a concertar ele me deram comida carneiros pequenos vacas muitas vacas, segui meu caminho de volta a terra firme foram muito tempo no mar para chegar em casa, metade da minha comida os ratos comeram, o que sobro eu vendi para poder pagar a condução para chegar em casa.

Ao chegar em casa abaixei para entrar achei que iria bater a cabeça no teto, minha mulher acho estranho minhas atitudes. Passei um tempo com minha esposa e meus filhos lindos, mas a saudade do mar era mais forte o choro de sua esposa, e filhos não fizeram Gulliver ficar em terras firme o seu destino estava marcado, o cirurgião e marinheiro foi para mais umas de suas viajem loucas.





A viagem para Brobdingnag


No dia 20 de junho de 1702...

Seguimos viagem tudo ocorria bem ate que uma forte tempestade balançava o barco e todos tentando ajudar, mas não tinha muito que fazer a comida estava acabando não tinha mais água para beber, o capitão conseguiu parar o barco em uma ilha, os amigos de Gulliver saiu para procurar alimentos ele ficou no barco com o capitão por alguns minutos, resolveu sair e andar um pouco foi seguindo uma trilha ficou admirando a paisagem, quando... Climax: Gulliver escuta um barulho de trovão era um gigante correndo atrás de seus amigos.



Sorte que eles conseguiram chegar no navio, mas Gulliver ficou escondido com medo do que eles poderiam fazer com ele,ficou perto de um plantação de trigo quando escutou um barulho de foice cortando o trigo ele com muito medo de morrer começou a pensar na sua família, resolveu gritar para que o monstro escutasse, a criatura enorme pegou ele na Mão levantou ate os olhos porque ele era muito pequeno, Gulliver fez sinal de que era do bem. O grandalhão levou ele ate a casa do seu amo, colocaram em cima da mesa e começaram a conversar um linguagem estranha eles falavam tão alto que dava ate dor de cabeça, após algum tempo começaram a servir o almoço eu fiz sinal de estava com fome trouxeram em pão enorme com uma taça de vinho muito grande peguei meus talheres que estava no bolso para poder comer mas era muito pequeno para aquele pão, ele caiu na mesa pisou em um pedaço de pão todos começaram a rir, o filho do amo pegou-me na mão e começou a me girar achei que iria morrer sufocado seu pai chamou a atenção dele, todos saíram só ficou a baba e uma criança que chorava muito a baba me pegou e deu para criança ela me colocou na boca e fiquei todo molhado a baba me levou para o quarto me cobriu com um lençol bem fininho para ele porque para Gulliver parecia um cobertor, ele dormiu por mais ou menos umas três horas foi acordado por uns ratos que parecia um cachorro e os cachorros parecia uns elefantes lutei com eles e venci só dos ratos porque os cachorros saíram achando que eu era um bonequinho. A baba entrou no quarto e ele fez uns gestos de que queria ir ao banheiro, a baba entendeu e levou ele para o mata, Gulliever pediu para ela não olhar e ali fez suas necessidades.

Passaram se os dias e a noticia corria solta de que tinha um humano na cidade era manso, obediente e andava sobre duas pernas, do tamanho de um inseto, um fazendeiro muito interessado comprou, a filha desse fazendeiro fez roupas e uma casinha de bonecas para ele, o fazendeiro estava interessado porque ele queria ganhar dinheiro com o Gulliver, colocou ele em uma caixa de madeira com um furo grande com se fosse a porta e um monte de furinhos para que ele pudesse respirar e foi par cidade par Gulliver fazer umas apresentações par ele ganhar dinheiro eles viajaram por 18 cidades ele estava exausto não conseguia ficar de pé de tão cansado parecia pele e osso ponto de morrer.

Ele ficou muito conhecido, a rainha queria saber quem era essa criatura humana, Gulliver foi apresentado a rainha e ela ficou muito encantada perguntou por quanto você vende essa criatura, por mil peças de ouro, ele agradeceu e a vossa majestade. Ela me ensinou muitas coisas eu comia na mesa com ela.







Apresentou-me ao rei ele não fez muito caso, ele passeava com a rainha de carruagem e lembrava dos seus amigo lilliput ele reclamavam que eu era muito alto e fedia as vezes e em Brobdingnag passava pela mesma situação que os lilliput.

Certo dia passei por um perigo muito grande estava sentado na janela quando ouvi uma voz estranha e pulou em cima de mim uma coisa peluda era de um tamanho de um elefante correu para a sala ele me pegou e levou par o telhado alguns homens viram e começaram a subir no telhado o macaco vendo que não tinha com fugir me solto.



Gulliver passou alguns dias doente, a rainha ficava escutando as sua historia de sua viagens pelo mar, ele passou u bom tempo em Brobdingnag fez amizades com o rei contou como era a cidade que morava, passou por muitas coisas quase foi engolido por um sapo, uma águia pegou ele. Gulliver depois de tantas coisas que já tinha passado resolveu voltar encontro o capitão contou algumas historia para ele, o capitão diz que ele esta falando muito alto como se toda a rua tivesse que escutar, mas foi o costume. Chegou a casa viu sua esposa seus filhos todos grandes, todos julgavam maluco achei que não poderia abraçar minha mulher me achava muito pequeno entrei em delírio. Com tantas coisas que passou o tempo que perdeu longe da filha.

Fim
4.1 Gênero literário
Romance

4.2 Síntese
Gulliver procurou expressar seus sentimentos em forma de amizades ele diz que ter amigo e um tesouro, em suas aventuras encontrou muitos amigos, enfrentou muitos obstáculos e todas as pedras que estava em seu caminho ele conseguiu vencer.

4.3 Citações favoritas
O autor afirma que perdeu muito tempo longe de sua família um grande tesouro. Ser amigo



4.4 Opinião sobre o livro
O livro mostra as difíceis barreiras que temos que passar, Jonathan traduziu esse livro porque ele afirma que muitas vezes deixamos de falar ou viver momentos em nossa vida que deixamos para traz, o autor teve a oportunidade de conhecer e viver tudo aquilo que desejava.

Vanessynha
Frase simples
Frase simples

Número de Mensagens : 20
Idade : 23
Localização : Mogi das Cruzes
Data de inscrição : 20/02/2011
Pontos : 2192

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Viagens de Gulliver

Mensagem por alexandre(hiro) em Qua 29 Jun 2011 - 0:37

Há várias confusões de dados que acabou deixando o trabalho, de certa forma, incompleta.
Faltou uma conclusão mais completa, mas em geral, um bom trabalho.
DICA: Deve-se tomar cuidado ao centralizar textos, pois há casos que podem dificultar a leitura.
A nota é 12 (6.0)

alexandre(hiro)
"Best Seller"


Número de Mensagens : 496
Idade : 25
Localização : Brasil
Data de inscrição : 22/02/2008
Pontos : 5207

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Viagens de Gulliver

Mensagem por Daniely Ayumi em Qua 17 Ago 2011 - 7:13

Oi !!

ta uma maravilha o nosso trabalho!

beijos!!

I love you

Daniely Ayumi
Letra
Letra

Número de Mensagens : 9
Idade : 22
Localização : Mogi das Cruzes / Brasil
Data de inscrição : 18/05/2011
Pontos : 2099

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Viagens de Gulliver

Mensagem por leticia fernandes campos em Qua 17 Ago 2011 - 7:15

ESSE TRABALHO FOI MAIS QUE 10...
Very Happy
PARABÉNS PELO DESEMPENHO!!!!

leticia fernandes campos
Ditongo
Ditongo

Número de Mensagens : 13
Idade : 22
Localização : mogi das cruzes
Data de inscrição : 06/04/2011
Pontos : 2163

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Viagens de Gulliver

Mensagem por Isabelle em Qua 17 Ago 2011 - 7:18

Código:
[b]ooi...

 Vuh parabens pelo trabalho!!!

 Bjinhosss.... :flower:[/b]

Isabelle
Rabisco
Rabisco

Número de Mensagens : 2
Idade : 22
Localização : Sao Paulo
Data de inscrição : 23/05/2011
Pontos : 2046

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Viagens de Gulliver

Mensagem por Isabelle em Qua 17 Ago 2011 - 7:33

oiii...
Parabens pelo trabalho liina...
Bjinhosss.... flower

Isabelle
Rabisco
Rabisco

Número de Mensagens : 2
Idade : 22
Localização : Sao Paulo
Data de inscrição : 23/05/2011
Pontos : 2046

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Viagens de Gulliver

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 0:49


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum