Vertentes
Seja bem vindo ao fórum Vertentes.

Pode usar o Facebook no seu "login".

"A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

"A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por Márcia em Qua 11 Out 2006 - 3:22

Escolhi este livro essencialmente por causa do título. Já vou avançada na leitura e apesar de gostar do que li, não é realmente o que esperava à primeira vista.
avatar
Márcia
Frase simples
Frase simples

Número de Mensagens : 22
Idade : 27
Data de inscrição : 04/10/2006
Pontos : 3972

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: "A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por Ana em Qua 11 Out 2006 - 13:02

Oi, eu sei que não nos conhecemos, mas como vi que estavas a ler o livro que já o ano passado eu também li para portguês, não resistir e devidi vir comentar.Very Happy

Eu também estava à espera de outra coisa quando ia ler o livro, mas digo-te, no final fiquei um pouco desiludida! Não gostei muito do livro. É interessante, visto basear-se em factos reais, mas não apreciei muito.
avatar
Ana
Trilogia
Trilogia

Número de Mensagens : 561
Idade : 27
Data de inscrição : 19/09/2006
Pontos : 3987

Folha de personagem
Guardião secular:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: "A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por Rute em Sex 13 Out 2006 - 5:02

Eu já vi o filme ( depois de ver tantas vezes o filme perdi o interesse de ler o livro... ehehehe What a Face =X )

Como filme posso dizer que gostei bastante... já me dizeram que é bastante fiel ao livro e tem actores excelentes!
Lembro-me ainda da apresentação da Ana... mas fico á espera da tua:lol!:
Boa Leitura Very Happy
avatar
Rute
Trilogia
Trilogia

Número de Mensagens : 741
Idade : 28
Localização : Setubal - Portugal
Data de inscrição : 24/09/2006
Pontos : 3994

Folha de personagem
Guardião secular: Alexandria

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: "A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por Ana_S em Dom 15 Out 2006 - 14:53

Eu ainda não li a casa dos espíritos , mas já li um livro da mesma autora... O Zorro ... e para ser sincera não gostei nada...lol
Mas talvez leia este ... não sei , eu oiço tanta gente dizer que está a ler este livro , que desperta curiosidade....scratch
avatar
Ana_S
Rabisco
Rabisco

Número de Mensagens : 4
Idade : 25
Localização : Setúbal
Data de inscrição : 15/10/2006
Pontos : 3961

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: "A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por Ana em Seg 16 Out 2006 - 4:07

Olha Ana, também já li outros livros da Isabel Allende e este foi aquele de que gostei menos. Parece muito interessante e parece que vai cativar, mas chega-se a partes em que é mesmo aborrecido. Tem para aí, apenas, 2 ou 3 momentos em que realmente consegues ler muito em pouco tempo porque é mais cativante, mas de resto é um pouco secante.
avatar
Ana
Trilogia
Trilogia

Número de Mensagens : 561
Idade : 27
Data de inscrição : 19/09/2006
Pontos : 3987

Folha de personagem
Guardião secular:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: "A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por Rute em Seg 16 Out 2006 - 4:16

Oláaaa Ana S.

Sempre podes ver o filme ( é com o Banderas lol! ) e foi gravado cá em Portugal...Wink

beijinhOs


p.S - Não sei se lá no nosso clube de video há... mas eu tenho o filme ( claroooooooooooo xD)
avatar
Rute
Trilogia
Trilogia

Número de Mensagens : 741
Idade : 28
Localização : Setubal - Portugal
Data de inscrição : 24/09/2006
Pontos : 3994

Folha de personagem
Guardião secular: Alexandria

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: "A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por MInês em Ter 24 Out 2006 - 15:13

Olá Márcia, apesar de não ser fã da autora ( não me agrada a forma como ela escreve), aconcelho-te a ler dois, que para mim são os melhores:- "Paula", em que a autora conta a sua história e a história da sua família à filha, Paula, que está em coma, num quarto de hospital.; e o livro " Inés da minha alma",que, se não estou em erro, é o último livro da autora. Ainda o estou a ler, mas estou a gostar imenso.É uma autobiografia, de uma mulher, Inés, passada no séc.XVI, que acredita estar no fim da sua vida, e por isso, decide escrever sobre ela.
Considero um bom livro para quem, tal como eu, gosta de História.Boa Leitura

MInês
Rabisco
Rabisco

Número de Mensagens : 3
Data de inscrição : 24/10/2006
Pontos : 3952

Voltar ao Topo Ir em baixo

Apresentação

Mensagem por Márcia em Qua 25 Out 2006 - 14:35

Márcia Carmo

11ºD Nº19

Titulo: A Casa dos Espíritos
Autor: Isabel Allende
Editora: Difel
Data de edição: 27ª Edição
Género literário: Romance

O livro começa e termina com a mesma frase, o que dá a sensação de algo sem começo nem fim, algo redundante.
A história é narrada por três personagens: Esteban Trueba, Clara (nos cadernos de anotar), e a neta de ambos - Alba. Em certas alturas existe uma relação entre narrador e personagem. Como pano de fundo desta saga familiar, está a história do Chile, e o golpe militar que sofreu.

Contextualização do autor
Isabel Allende é chilena, trabalha como jornalista e escritora desde os dezassete anos.
A casa dos Espíritos foi o seu primeiro romance e colocou-a no topo dos romancistas latino-americanos. O seu prestigio com os anos não deixa de aumentar.
Após este livro escreveu também: Eva Luna; O plano infinito; De amor e de Sombra; Paula; Afrodite; Filha da Fortuna; Retrato de Sépia; A Cidade dos Deuses Selvagens; O Reino do Dragão de Ouro; O Bosque dos Pigmeus; Zorro, o começo da lenda; Inés da minha Alma, entre outros

Assunto:
A história baseia-se na vida de Esteban Trueba, um apaixonado de uma rapariga de nome Rosa que era um ser magnífico, possuidor de uma beleza atordoante e bastante formosa. Ela morre inesperadamente e Estaban fica desolado. Vai viver para uma velha fazenda da sua família que estava abandonada, chamada Las Tres Marias. Esteban conseguiu reconstruir toda a fazenda e fê-la prosperar.
A certa altura começou a crescer um enorme apetite sexual em Esteban e este violou uma das suas camponesas, que tinha apenas 15 anos, chamava-se Pancha Garcia; Esteban tinha semeado o que mais tarde recolheria com muito sofrimento.
Entretanto continuou a violar todas as suas empregadas e as empregadas vizinhas. Quando isso deixou de o satisfazer, pensou em casar-se. Casou-se com Clara, irmã da falecida Rosa.
Clara era dotada de uma enorme imaginação e capacidades sobrenaturais. Anotava todos os acontecimentos importantes em cadernos pois sabia que mais tarde seria muito útil. Tiveram três filhos: Blanca e dois gémeos, Jaime e Nicolau.
Blanca engravidou do filho do capataz de Esteban. O seu Pai vingou a virgindade da filha cortando, à machadada, três dedos ao seu amante. Fê-la casar com um francês excêntrico que tinha taras eróticas. Blanca quando descobriu a essência do marido fugiu de casa e voltou para casa dos pais. Nessa altura nasce a sua filha; Alba, a única para quem Esteban era dócil.
Durante o golpe político e na instalação da ditadura no país, Jaime morre torturado pela polícia política e o seu irmão estava fora do país devido pois nessa altura.
Alba ajudava muitos dos que constavam na lista de procurados pela polícia, a pedido de Miguel, seu namorado. Quando foi descoberta levaram-na; sofreu inúmeras torturas e violações, principalmente por Esteban Garcia (o neto de Esteban Trueba e Pancha; a sua primeira violação). Este odiava Alba pois todo o luxo que Alba teve poderia ser seu se fosse um neto legítimo.
Esteban pediu ajuda a uma prostituta sua amiga que conhecia todo o tipo de gente envolvida na política para trazer a sua neta de volta. Alba foi Libertada e estava grávida, talvez de Miguel, talvez de alguma violação, mas acima de tudo era seu filho! (Parece que sofreu pelos erros do seu avô)
Quando chegou a casa, agarrou os livros de anotar a vida da sua avó Clara, pediu ao seu avô para relatar os momentos mais importantes da sua vida e juntou algumas das suas experiências dando origem a este Livro.

Citações:
“Nessa noite acreditei que tinha perdido para sempre a capacidade de me apaixonar, que nunca mais podia rir-me nem perseguir uma ilusão. Mas nunca mais é muito tempo. Tirei a prova disso ao longo da vida. Vi a raiva crescer dentro de mim como um tumor maligno, manchando as melhores horas da minha existência, incapacitando-me para a ternura ou para a clemência. Mas, acima da confusão e da ira, o sentimento mais forte que me lembro de ter sentido nessa noite foi o desejo frustrado, porque jamais poderia realizar o desejo de afagar Rosa com as mãos, de penetrar nos seus segredos, de soltar o verde manancial do seu cabelo e afundar-me nas suas águas mais profundas.”

“Fizemos amor de maneira violenta e feroz, que eu quase tinha esquecido e tanto navegar no veleiro de águas mansas da seda azul. Naquela desordem de almofadas e lençóis, apertados no nu vivo do desejo, enroscando-nos até desfalecer, voltei a sentir-me com vinte anos, contente por ter nos braços uma fêmea brava e apertada que não desfalecia em fiapos quando a montavam, um égua forte que se podia cavalgar sem contemplações, (…) voltei a sentir-me como aquele que resiste a um chorrilho de palavrões ao ouvido e não necessita de ser embalado com ternuras nem enganado com galanteios. ”

Nota: Gostei de muitas mais citações mas coloquei estas porque queria mostrar a diferença com que a autora escreve (quando Esteban é o narrador). As palavras utilizadas quando diz o que não fez, mas gostaria de ter feito a alguém que amou, e o que fez com uma pessoa por quem não tinha tal sentimento.
Acho que na segunda citação o termo “amor” deveria ser mudado para “sexo” porque fazer amor não se faz com alguém (neste caso com uma prostituta) para ter apenas prazer físico, amor faz-se com UM alguém especial para ter prazer, além de físico, espiritual.

Opinião
Para mim foi uma boa leitura. Compreendo as críticas ao dizer que não se gosta e que é secante porque se tivesse na expectativa da primeira impressão que tive sobre o livro, apenas vendo a capa e ao ler o título, ficaria desiludida. Mas se nos abstrairmos da primeira impressão, o livro até é interessante. É claro que tem partes muito chatas e bastante descritivas, que demoram dias a ler, mas em compensação tem outras que se lê em minutos. O balanço é positivo e as descrições não são más de todo, porque assim dá-nos a sensação de conseguirmos ver a situação ao pormenor e até parece que entramos na história.
avatar
Márcia
Frase simples
Frase simples

Número de Mensagens : 22
Idade : 27
Data de inscrição : 04/10/2006
Pontos : 3972

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: "A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por Filipe Azevedo em Qui 26 Out 2006 - 3:30

A tua apresentação revela bem que apreciaste o livro e sabes falar dele. Muito bem!
Exclamation
Está muito certo (e é o que se deseja!) que se retirem informações da net, mas é importante que se demonstre que a leitura foi efectivamente feita.
É o que fizeste e muito bem. cheers

Também por essa razão gostava que deixasses uma nota acerca de um pormenor que me chamou a atenção na tua apresentação: qual é a frase que inicia e termina o livro?
Cool
Parabéns!

_________________
www.vertentes.pt.vu
avatar
Filipe Azevedo
Professor

Número de Mensagens : 1229
Idade : 56
Localização : Portugal
Data de inscrição : 09/09/2006
Pontos : 15847

Folha de personagem
Guardião secular: Pérgamo

http://www.vertentes.pt.vu/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: "A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por Márcia em Seg 30 Out 2006 - 3:46

A frase que inicia e termina o livro é: "Barrabás chegou à família por via marítima".
Foi uma frase que Clara anotou no seu caderno e a primeira que a sua neta Alba leu e escolheu para começar a contar esta história. Very Happy Ainda bem que gostou!
avatar
Márcia
Frase simples
Frase simples

Número de Mensagens : 22
Idade : 27
Data de inscrição : 04/10/2006
Pontos : 3972

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: "A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por Márcia em Seg 30 Out 2006 - 3:56

Agora que fui rever a apresentação vi que estava um erro na parte do resumo.
"Durante o golpe político e na instalação da ditadura no país, Jaime morre torturado pela polícia política e o seu irmão estava fora do país devido pois nessa altura."

Eu queria escrever "(...)e o seu irmão estava fora do país pois nessa altura metia-se em muitos sarilhos e o seu pai expulsou-o para o estrangeiro."

avatar
Márcia
Frase simples
Frase simples

Número de Mensagens : 22
Idade : 27
Data de inscrição : 04/10/2006
Pontos : 3972

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: "A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por Filipe Azevedo em Qua 29 Nov 2006 - 13:46

Leitura registada!

What a Face

_________________
www.vertentes.pt.vu
avatar
Filipe Azevedo
Professor

Número de Mensagens : 1229
Idade : 56
Localização : Portugal
Data de inscrição : 09/09/2006
Pontos : 15847

Folha de personagem
Guardião secular: Pérgamo

http://www.vertentes.pt.vu/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: "A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum