Vertentes
Seja bem vindo ao fórum Vertentes.

Pode usar o Facebook no seu "login".

Mia Couto, Contos do Nascer da Terra

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Mia Couto, Contos do Nascer da Terra

Mensagem por Diogo Blasco Lopes em Seg 17 Nov 2008 - 13:48

Ficha de Leitura




Antes de Ler



1. Identificação do Livro



1.1. Título “Contos do Nascer da Terra”

1.2. Autor Mia Couto

1.3. Editora Caminho

1.4. Data da Edição 2002



2. Escolha do Livro



2.1 Motivos que levaram à escolha do Livro Os motivos foram os seguintes: quando ouvi o nome do livro pareceu-me interessante, pois gosto “espécie” de histórias, pensando vendo depois a capa da 5ª Edição do Livro, em que tem um homem das cavernas pensei que fosse histórias dos Homens Primitivos.

Diogo Blasco Lopes
Rabisco
Rabisco

Número de Mensagens : 2
Idade : 24
Localização : Setúbal
Data de inscrição : 28/10/2008
Pontos : 3337

Folha de personagem
Guardião secular: Pérgamo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mia Couto, Contos do Nascer da Terra

Mensagem por Salomé Raposo em Ter 9 Dez 2008 - 17:58

Leitura registada.

Espero que gostes do livro!

Salomé Raposo
Professora

Número de Mensagens : 86
Idade : 46
Localização : Setúbal
Data de inscrição : 26/09/2008
Pontos : 3389

Voltar ao Topo Ir em baixo

Após a leitura do Livro

Mensagem por Diogo Blasco Lopes em Sex 12 Dez 2008 - 15:59

Após a leitura do livro


3. Contextualização do Autor

3.1. Alguns dados biográficos



António Emílio Leite Couto é o nome completo do conhecido autor moçambicano, Mia Couto. O nome Mia, foi lhe dado pelo seu irmão, que quando era pequeno não conseguia dizer Emílio. O nome assenta-se bem, uma vez que tem uma grande paixão por gatos.
Nasceu a 5 de Julho de 1955 na Beira. Tem ascendência portuguesa, visto que o pai é natural de Rio Tinto. Começou a escrever para o jornal “Notícias da Beira” com apenas 14 anos. Começou a tirar o curso de medicina em 1972. Em 1974 começou a enveredar pelo jornalismo. Tornou-se repórter e director da Agência de Informação de Moçambique, da revista semanal “Tempo” e do jornal “Notícias de Maputo”.
Participou na guerra colonial e em 1985 voltou à Universidade de Eduardo Mondlane, em Lourenço Marques onde se formou em Biologia. Em 1992 foi o responsável pela preservação da reserva natural da Ilha de Inhaca. Dedica-se, actualmente, a pesquisas deste âmbito, para além disso é professor e dirige uma empresa de estudos sobre o impacto ambiental.
Escreveu vários romances, poemas e artigos de jornalismo.
Para além disso, publicou algumas das suas crónicas, que continuam a ser coluna num dos semanários publicados em Maputo, capital de Moçambique:
Cronicando, onde recebeu o Prémio Nacional de Jornalismo Areosa Pena, em 1989.



3.2. Outras Obras do Autor


Contos



  • Vozes Anoitecidas
  • Cada Homem é uma Raça
  • Estórias Abensonhadas
  • Contos do Nascer da Terra
  • Na Berma de Nenhuma Estrada O Fio das Missangas




Crónicas

  • Cronicando
  • O País do Queixa Andar Pensatempos.




Romances

  • Terra Sonâmbula
  • A Varanda do Frangipani
  • Mar Me Quer
  • Vinte e Zinco
  • O Último Voo do Flamingo
  • O Gato e o Escuro
  • O Outro Pé da Sereia
  • O beijo da palavrinha
  • Venenos de Deus




4. Conteúdo do Livro

4.1. Género Literário



O género literário de ” Contos do Nascer da Terra “ é uma crónica.


4.2. Assunto (breve síntese)



Este livro fala de histórias em que o protagonista de cada uma das histórias tem problemas de saúde, numa das histórias um casal ia ter um bebé e queriam-no ter como os tucanos tinham as suas crias e viver este período também como os tucanos, noutra história era gorda indiana em que quando era amada por alguém ia emagrecendo, até ter desaparecido, e muitas outras histórias.


4.3. Citações favoritas (se necessário, explicadas no contexto)



A citação mais marcante foi uma das histórias era sobre siameses, e então o pai estava a discutir com os filhos se queriam ser separados e os siameses disseram: «- Mas, pai, nós, assim alicateados, saímos baratos a Deus: precisamos só de um anjo da guarda.»


4.4. Opinião sobre o livro



A minha opinião sobre este livro é positiva, pois aprecio curtas histórias, mas com muito para falar e/ou comentar sobre este tipo de texto, como é o caso, deste livro. Nunca me tinha apercebido deste tipo de Literatura, mas estou a gostar. Neste livro reparei que havia um glossário com palavras oriundas de Moçambique, África, com explicação em Português.



Aconselho a leitura, pois haverão de gostar tanto quanto eu.

Diogo Blasco Lopes
Rabisco
Rabisco

Número de Mensagens : 2
Idade : 24
Localização : Setúbal
Data de inscrição : 28/10/2008
Pontos : 3337

Folha de personagem
Guardião secular: Pérgamo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mia Couto, Contos do Nascer da Terra

Mensagem por Salomé Raposo em Qua 4 Fev 2009 - 16:35

Contos... e não crónicas...

14 valores

Salomé Raposo
Professora

Número de Mensagens : 86
Idade : 46
Localização : Setúbal
Data de inscrição : 26/09/2008
Pontos : 3389

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mia Couto, Contos do Nascer da Terra

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum